quarta-feira, 16 de maio de 2018

014 - A Cruzada*

Divulgação
A Cruzada, ou The Crusade, é o sexto arco da 2ª Temporada e foi transmitido pela primeira vez entre 27 de março e 17 de abril de 1965.

Episódios:

Este arco contém os episódios 2 e 4 reconstruídos. Para saber mais, acesse Episódios Reconstruídos.

O Leão (The Lion)
O Cavaleiro de Jaffa (The Knight of Jaffa)*
A Roda da Fortuna (The Wheel of Fortune)
Os Senhores da Guerra (The Warlords)*

Duração total dos quatro episódios: 1:37:09

Sinopse:

A TARDIS materializa-se na Palestina do século XII, durante a Terceira Cruzada, e seus ocupantes, ao sair, são atacados pelos sarracenos. Na confusão, Barbara é sequestrada por eles, enquanto os demais evitam que William de Tornebu, aliado do rei Ricardo, seja morto. Junto a Barbara, também foi capturado William des Preaux, outro aliado do rei, que finge ser Ricardo para proteger seu rei. O Doutor, Ian e Vicki decidem levar William des Preaux até Ricardo, mas também devem resgatar Barbara antes que seja tarde demais.

Curiosidades e Bastidores:


Em Portugal, em 1983, foi publicada em livro a novelização Doutor Who e os Cruzados pela editora Editorial Presença, como parte da coleção Andrómeda. Reprodução da capa logo acima.

A história está ambientada perto de Jerusalém, na Palestina, durante a Terceira Cruzada.

Bernard Kay, que interpretou Carl Tyler em A Invasão Dalek da Terra, volta a aparecer aqui como Saladino. E Tutte Lemkow interpretou anteriormente Kuiju em Marco Polo. Gábor Baraker também apareceu em Marco Polo (como Wang-Lo).

No episódio A Roda da Fortuna, William Russell só aparece em um fragmento pré-gravado, já que estava de férias. Jean Marsh, que interpreta a princesa Joanna, esteve casada entre 1955 e 1960 com Jon Pertwee, que interpretaria o Terceiro Doutor. A atriz veterana de Bollywood Zohra Sehgal faz uma breve aparição no episódio O Cavaleiro de Jaffa. Ela já havia aparecido anteriormente na série sem creditar como uma serva em Marco Polo.

Esta história destaca-se por seu tratamento dos dois líderes enfrentados. Saladino mostra-se calculador, mas compassivo, enquanto o rei Ricardo mostra-se volúvel e, às vezes, infantil.

Barbara conta a Saladino as recentes aventuras que ela teve em um mundo alienígena governado por insetos (O Planeta Teia), em Roma na época de Nero (Os Romanos) e na Inglaterra mil anos no futuro (A Invasão Dalek da Terra). Além disso, ela também encontra-se com Safadino.

Pensava-se que as cópias dos quatro episódios estavam perdidas depois da destruição massiva de arquivos da BBC na década de 1970, quando a BBC Enterprises apagou as cópias. Porém, a filmoteca da BBC conservava uma cópia de A Roda da Fortuna que a empresa havia adquirido acidentalmente, mas a cópia de O Leão havia sido apagada em 1972. Durante anos, acreditava-se que não se salvara nem o áudio da história, até que localizaram cópias do áudio em 1995. Em 1999, Neil Lambess e Paul Scoones encontraram uma cópia de O Leão na coleção de Bruce Grenville, um colecionador de cinema da Nova Zelândia. A New Zealand Broadcasting Corporation havia comprado o arco na década de 1960, mas não o transmitiu.

Em 1991, A Roda da Fortuna, então o único episódio existente, foi publicado em VHS como parte de The Hartnell Years, apresentado por Sylvester McCoy, intérprete do Sétimo Doutor, que dava um breve resumo dos acontecimentos anteriores e posteriores ao episódio, com informação adicional sobre os companheiros perdidos. Em 1999, como parte da recompilação em VHS The Crusade and The Space Museum, foi publicada uma versão dos episódios 1 e 3, enquanto os episódios 2 e 4 foram narrados por um envelhecido Ian Chesterton, interpretado por William Russell. O áudio dos outros dois episódios também foram publicados em várias edições em CD, com narração de William Russell, também. Por fim, os episódios existentes e o áudio dos perdidos foram publicados em DVD em 2004, como parte da coleção Lost in Time, incluindo como extras os segmentos novos filmados por William Russell.

Assim como acontece com a primeira novelização de David Whitaker, esta história foi convertida em uma novela independente, com um longo prólogo na TARDIS, onde os viajantes discutem os paradoxos de suas jornadas e viagens no tempo. A falta de sentido de uma guerra religiosa também é enfatizada mais. Além disso, David invoca o potencial romântico de Ian e Barbara e inclui uma passagem gráfica de Barbara sendo açoitada. Por alguma razão, o nome do marido de Susan mudou de David Campbell para David Cameron. Em 2005, a novela também foi lançada pela BBC Audio como parte da coleção de áudio livros Doctor Who: Travels in Time and Space, e foi lida por William Russell.

Artes Relacionadas:
DeviantArt
Lee Johnson