segunda-feira, 4 de junho de 2018

019 - Missão ao Desconhecido*

Divulgação
Missão ao Desconhecido, ou Mission to the Unknown, é o segundo arco da 3ª Temporada, e foi transmitido pela primeira vez em 9 de outubro de 1965.

Episódio:

Este arco contém o único episódio reconstruído. Para saber mais, acesse Episódios Reconstruídos.

Duração total do único episódio: 0:24:40

Sinopse:

Jeff Garvey está estirado no chão. Desperta-se e levanta-se pouco a pouco, claramente dolorido. E começa a repetir "Matar, matar". Enquanto isso, Marc Cory e Gordon Lowery têm dificuldade para consertar a sua nave. Gordon pergunta-se por que Marc aterrissou no planeta Kembel. E ambos se perguntam onde está Jeff. Enquanto isso, em uma cidade Dalek perto dali, o Dalek Supremo espera para receber notícias dos últimos progressos. É dito a ele que os representantes dos setes planetas chegaram e que Marc e Gordon estão próximos. Nisso, o Dalek Supremo ordena que os dois sejam destruídos.

Curiosidades e Bastidores:

Confira o episódio reconstruído em animação no Arquivo Ômega. Uma reconstrução não-animada do episódio foi produzida pela Loose Cannon Productions em 2000, usando fotografias fixas e o áudio existente.

No final de Galáxia 4, Vicki olha um planeta pelo qual ela, o Doutor e Steven estão passando e pergunta ao Doutor o que será que está acontecendo lá. Esse planeta é Kembel.

Este episódio foi feito porque Planeta de Gigantes teve um episódio, dos quatro planejados, cortado durante a pós-produção e era necessário um episódio extra para a temporada. Embora o elenco ainda não tivesse assinado os contratos, era difícil acrescentar um único episódio a uma sequência planejada de histórias de quatro e seis episódios, por isso foi decidido fazer um prelúdio para uma futura história épica.

Terry Nation escreveu parte deste episódio na tentativa de criar uma história sobre os Daleks que não incluísse o Doutor e seus acompanhantes, para poder desenvolver e vender o argumento de uma série dos Daleks fora do universo de Dr. Who. Na série proposta, o Serviço de Segurança Espacial teria a tarefa de caçar os Daleks. Foi feita algo próximo disso em contos e quadrinhos para o livro Dalek Outer Space Book, de 1965. Um piloto intitulado Os Destruidores (The Destroyers) foi escrito, mas a série nunca foi vendida.

O episódio foi feito pela mesma equipe que fez Galáxia 4. As duas histórias compartilham pré-produção e possivelmente o mesmo código de produção. Também foi o último episódio de Dr. Who em que Verity Lambert foi a produtora.

Título Alternativo e Códigos de Produção:
  • É talvez o arco que mais gera confusão e debate sobre o título e o código de produção usado.
  • Todos os arcos de Dr. Who desse período não tinham título na tela, apenas referidos por códigos de produção ou um título interno da equipe. As duas denominações alteravam-se confusamente em muitos documentos de produção e venda internacional. Missão ao Desconhecido gera ainda mais confusão porque alguns documentos não o referem como um arco, mas como um "episódio de corte". Como a história foi feita ao mesmo tempo que Galáxia 4, as duas parecem ter sido referidas juntas. Muitos dos códigos de produção disponíveis são Serial T ou Serial T+, um apêndice.
  • A princípios de 1965, começaram a usar o termo "Episódio de Corte dos Daleks" (Dalek Cutaway) para descrever o episódio no escritório de produção. O título na tela "Missão ao Desconhecido" veio mais tarde, mas ambos continuaram em circulação, com o termo Episódio de Corte dos Daleks sendo utilizado indistintamente tanto como título de história e como termo de produção.
  • Em um memorando de produção fornecido ao novo produtor John Wiles, datado de maio de 1965 e intitulado "A História do Doctor Who", o episódio é chamado de "Serial DC". Em um documento de design datado de 9 de julho, o episódio é chamado de "T/A Episode 1", e em outro datado de 20 de julho, é chamado de "Serial T, Episode 5". Em 1969, quando a fita de vídeo do episódio deveria ser apagada (embora isso não tenha acontecido até julho de 1974), a documentação relevante se referia a ela como "Serial Ta Episode 1/1".
  • Quando foi posto para ser vendido internacionalmente, a sinopse enviada pela BBC Enterprises tinha o título de Mission to the Unknown (Dalek Cutaway). O Documento da Enterprises de 1974 A Quick Guide to Doctor Who, que listava as histórias produzidas até então para potenciais vendas internacionais, intitulava o episódio como Dalek Cutaway (Mission to the Unknown) e não oferecia nenhum código de produção.
  • Quando os fãs começaram a compilar livros de referência em meados da década de 1970, foi o documento anteriormente citado que formou a base de muitas listas. A história era referida alternativamente como Episódio de Corte dos Daleks e Missão ao Desconhecido em muitas ocasiões, enquanto o código de produção ficou em branco até a descoberta dos documentos de design com T/A. Posteriormente, a exploração dos arquivos escritos da BBC expuseram os problemas do título e do código de produção.

Este é o único episódio de toda a série em que não aparece nem é referenciado o Doutor nem a TARDIS. Apesar disso, William Hartnell ainda é apresentado como "Dr. Who" nos créditos, pois seu contrato especificava que seria creditado em todos os episódios, incluindo aqueles nos que aparecera só em repetições ou não aparecera em absoluto.

Os companheiros do Doutor Vicki (Maureen O'Brien) e Steven Taylor (Peter Purves) tampouco aparecem. Diferente de William, os contratos deles não lhes garantiam que fossem creditados, embora aparecessem listados na Radio Times e nos guias de episódios que tomavam sua informação de lá.

Barry Jackson havia aparecido anteriormente como Ascaris em Os Romanos. E Jeremy Young havia interpretado anteriormente Kal em Uma Criança de Outro Mundo. Edward de Souza mais tarde interpretaria Mortimer Davey no áudio The Roof of the World.

Arte Relacionada:
DeviantArt